Planejamento

As atividades de Planejamento tem como objetivo analisar, determinar e operacionalizar os projetos educacionais que apresentam maior potencial e importância para a organização. Atualmente diversas tecnologias podem ser exploradas na formulação de novos serviços educacionais, capazes de atender diferentes públicos, de acordo com diferentes modelos comerciais. Desta maneira, as atividades de planejamento buscam determinar as melhores oportunidades para estabelecimento de novos projetos e inclui o conjunto de atividades apresentado na figura a seguir:

 

Fonte: Dahmer e Fleury (2010)

 

Roadmap

O objetivo da primeira etapa é a elaboração de uma lista de projetos de serviços tecnológicos educacionais que se apresentam como de interesse e relevantes para a instituição no curto prazo. Para isto, as principais tendências educacionais e tecnológicas são consideradas e analisadas, buscando a sua conciliação na forma de serviços tecnológicos educacionais que podem ser de interesse para a corporação no curto, médio e longo prazo. O foco da análise pode ser no nível da instituição, no nível dos grupos de pesquisa ou no nível de um curso acadêmico, sendo que cada nível apresenta um grau diferente de dificuldade para sua elaboração.
O processo de estruturação do roadmap inclui seis etapas, adaptadas a partir da metodologia T-Plan, proposta por Probert et al. (2004). O resultado desta etapa, um conjunto de possíveis serviços tecnológicos educacionais é obtido e servirá como insumo para o desenvolvimento da etapa seguinte.

 

Gestão de Portfolio

Esta etapa tem por objetivo priorizar os projetos identificados como relevantes no curto prazo na etapa anterior. Para isto, os projetos identificados anteriormente como relevantes são detalhados de acordo com critérios acordados, sendo também estabelecidos as principais categorias de indicadores que serão empregadas na sua classificação; a seguir, os aspectos relacionados com probabilidade de sucesso, viabilidade financeira, marco regulatório e potencial estratégico são analisados, sendo que os projetos recebem pontuações de acordo com o nível de interesse para a organização; finalmente, as propostas de projetos são classificadas com base nos indicadores anteriores e a classificação obtida é analisada, debatida, alterada e validada. O resultado desta etapa é uma lista com prioridades para projetos de interesse para a organização. Apos sua validação final, os projetos entram em execução para a operacionalização dos serviços tecnológicos educacionais propostos.

 

Desenvolvimento do Serviço

A etapa de desenvolvimento do serviço transforma o seu projeto em um sistema tecnológico educacional efetivo, capaz de ser operado de forma a prover o serviço planejado. Para isto, emprega os conceitos principais de gestão de processo de desenvolvimento de software apresentados na seção anterior para a realização das seguintes atividades: desenvolvimento dos conceitos, formalização dos requisitos, elaboração de protótipo e planejamento do processo.

 

———————-

Referências

Dahmer, A. Z.; Fleury, A. L. Roadmapping para serviços de tecnologia educacional. in Eboli, M.; Fischer, A.; Moraes, F.; Amorim, W. Educação Corporativa. Ed. Atlas, 2010